Luiz, o eletricista



Fim de semana passado chamei um eletricista para trocar praticamente todas as tomadas e interruptores de casa, pois estavam com padrão antigo e muitas delas nem estavam funcionando. O cara foi e fez o serviço. Até aí, tudo ok.

1 hora depois que ele foi embora, notei que a energia do meu quarto simplesmente não existia. Luzes não acendiam, tomadas não funcionavam. Chamei ele de volta. Uma mexida aqui, outra acolá e tudo resolvido. Ok.

Mas 3 dias depois, um sinal de que algo não ia bem. Liguei o micro-ondas e a energia de casa começou a oscilar. A cozinha ficou em meia fase. Liguei o ventilador de teto do quarto e ele começou a girar com dificuldade. Estranho.

No dia seguinte, também conhecido como ontem, a coisa degringolou. A energia oscilava sem parar. Parecia que um blecaute se aproximava. Tirei tudo da tomada e decidi entrar em contato com o eletricista, para ele resolver a suposta "cagada" que fez. Como era quase 22 horas, resolvi mandar um whatsapp. E a mensagem foi exatamente assim:

"Luiz (legal um eletricista se chamar LUIZ, hein?), desde ontem à noite a energia de casa não para de oscilar. O ventilador gira acelerado e depois quase para. A TV liga e desliga do nada. As luzes piscam sem parar. Poderia dar uma olhada amanhã?"

Não sei não, mas analisando melhor a mensagem, acho que ele vai pra minha casa acompanhado de um exorcista.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O negão da piroca

Pombinha Manca

Pergunta indiscreta